Centro de Integração Empresa Escola de Pernambuco
 
Clique aqui se você é estudante e deseja estagiar


Clique aqui se você é uma Unidade Concedente de Estágio
Clique aqui se você é uma Instituição de Ensino

 
 
Página Inicial Voltar Mapa de imagens. Clique em cada um dos círculos.
Notícias

Entrar pesado no Aprendiz é meta do Governo de Pernambuco
  19/10/2009

 

Frase foi dita pelo secretário Especial da Juventude e Emprego do Estado durante lançamento do programa em Pernambuco
 
Durante o lançamento do Programa Aprendiz Legal e instalação do Fórum Estadual de Aprendizagem Profissional, que aconteceu no auditório do Banco Central do Brasil, na quarta-feira (07), dois momentos “roubaram” a cena. O depoimento emocionado da Aprendiz da Infraero, Gisele Santos e a declaração do Secretário Especial da Juventude e Emprego do Estado, Pedro Mendes.
 
O lançamento do Programa Aprendiz Legal, uma parceria da Fundação Roberto Marinho com o Centro de Integração Empresa Escola de Pernambuco (CIEE-PE) também contou com a presença do Coordenador Geral de Preparação e Intermediação da Mão de Obra Juvenil, do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), Felipe Augusto Teixeira, do gerente Institucional da Fundação Roberto Marinho, Ricardo Piquet e do Superintendente Regional do Trabalho e Emprego de Pernambuco, André Luz Negromonte.
 
O Presidente do CIEE Pernambuco, Lucilo Varejão e o Superintendente Institucional, Germano Coelho também participaram da mesa redonda sobre a situação do Aprendiz e como ampliar as oportunidades para os jovens.
 
Para tirar Pernambuco da incômoda situação de ser o penúltimo estado, acima apenas do Tocantins, em aproveitamento de vagas para aprendizes no Brasil, o Governo do Estado deve assinar um decreto que incentiva órgãos da administração direta e indireta a contratarem aprendizes. “Vamos entrar pesado no programa de aprendizagem em Pernambuco”, declarou o Secretário Especial da Juventude e Emprego, Pedro Mendes, que representou o Governador do Estado na solenidade.
 
O objetivo do Governo Federal é inserir 800 mil jovens aprendizes no mercado de trabalho até 2010. No momento aproximadamente 160 mil jovens estão contratados. A instalação do fórum tem o objetivo, exatamente, de estimulador desse processo. “Pernambuco é o sexto estado em que implementamos o Fórum de Aprendizagem para estimular os empresários a contratarem os aprendizes”, afirmou o Coordenador Geral de Preparação e Intermediação da Mão de Obra Juvenil, do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), Felipe Augusto Teixeira.
 
O Gerente Institucional da Fundação Roberto Marinho, Ricardo Piquet usou uma metáfora futebolística para mostrar a situação do Estado. “Pernambuco está na zona de rebaixamento na contratação de Aprendizes”, citou, mostrando números do programa no Brasil.
 
Durante o lançamento do Programa, a Companhia Brasileira de Transportes Urbanos (CBTU) e a Infraero assinaram um termo de adesão ao Programa Aprendiz Legal. As duas instituições já possuem aprendizes atuando em suas instalações.
 
Para representar a importância do Aprendiz Legal na vida dos adolescentes, a Aprendiz que realiza atividades administrativas na Infraero, Gisele Santos, deu sua palavra sobre o programa. “É muito importante chegar em casa e saber que podemos contribuir, mesmo que um pouco com as contas. Trabalhar e saber que no final do mês teremos direito a um salário”, disse, a estudante.
 
“Quando assinaram minha carteira de trabalho, saí mostrando para todo mundo. Esse é meu primeiro emprego e seria bom que os empresários soubessem da importância desse programa para os jovens, como eu sei”, completou.
 
O lançamento do Programa Aprendiz Legal e lançamento do Fórum de Aprendizagem teve como mestre de cerimônias o jornalista Francisco José. O auditório do Banco Central foi gentilmente cedido pela instituição para realização do evento.









Nossas Unidades

Atualmente, está instalado no Recife, Caruaru, Garanhuns, Petrolina, Jaboatão dos Guararapes, Vitória de Santo Antão, Ipojuca, Olinda, Paulista, Limoeiro, Serra Talhada, Salgueiro e Gravatá.

Clique aqui para saber mais informações sobre nossas unidades e horários de atendimento.

Fale com o CIEE-PE

Estudantes: (81) 3131-6100
Unidades concedentes de estágio: (81) 3131-6000
Instituições de ensino: (81) 3131-6000

Clique para enviar sua dúvida, sugestão ou crítica.


             

 

Centro de Integração Empresa-Escola de Pernambuco - Todos os direitos reservados
CNPJ: 10.998.292/0001-57